Quando bem utilizadas, as métricas de marketing podem ser as maiores aliadas da sua organização. Elas mostram onde você está cometendo erros, apontam ações para corrigi-los e revelam oportunidades valiosas para suas estratégias.

Todavia, há uma enorme quantidade de métricas disponíveis no mercado que podem facilmente distrair nossa atenção. Pensando nisso, apresentamos, ao longo deste artigo os principais indicadores que devem ser analisados para identificar a efetividade das suas ações de marketing. Boa leitura!

1. Visitantes

O número de visitantes representa o volume de tráfego que o seu site ou blog recebeu. Não se trata da quantidade de pessoas que acessaram a página da empresa, mas quantas visitas esses usuários fizeram em um determinado período.

É como mensurar quantas pessoas entram em uma loja física, uma vez que a mesma pessoa pode retornar em dias e horários diferentes.

Embora seja algo, a priori, simples, esse indicador dá uma boa ideia do escopo de seus negócios na internet. Por meio dele, você consegue saber exatamente quantas pessoas acessam determinado conteúdo diariamente. Afinal, quanto mais visitantes o site recebe, maiores são as chances de aumentar as vendas.

2. Taxa de conversão

A conversão pode ser interpretada como um passo dado pelo visitante no caminho que o converterá em um cliente. Essa etapa pode envolver assinar a newsletter, registrar-se em uma promoção, baixar o catálogo de produtos ou, até mesmo, realizar uma compra.

A conversão pode ser utilizada para diferentes propósitos, no entanto, é sempre o primeiro objetivo de uma campanha de marketing. Portanto, é altamente recomendável que você monitore de perto esse indicador.

As causas que levam um site a não gerar (ou gerar poucas) conversões podem ser encontradas em diferentes fatores, desde problemas na usabilidade até a falta de clareza quanto aos benefícios e próximos passos a serem dados pelo visitante (as conhecidas chamadas à ação ou CTAs, na sigla inglesa).

O cálculo da taxa de conversão é muito simples. Basta dividir o número de leads gerados pelo número de visitas do site em um determinado período:

Taxa de conversão (%) = número de contatos / número de visitas.

3. ROI (Retorno Sobre Investimento)

O Retorno Sobre Investimento (ROI, na sigla inglesa) é, sem dúvida, um dos indicadores mais importantes para qualquer empresa, à medida que lida diretamente com a geração de lucros.

No marketing digital, é indispensável conhecer a rentabilidade gerada por uma ação específica, como uma campanha publicitária ou, até mesmo, toda a estratégia colocada em prática.

O Retorno Sobre Investimento mostra apenas a eficácia de gerar lucros sobre o capital investido. Além disso, ajuda a decidir quando (e se) você deve aumentar os investimentos. Uma vez que o ROI é positivo e a empresa tenha capacidade de produção, o ideal é aumentar os investimentos em marketing digital.

O cálculo é bastante fácil. Para encontrar o RI você deve calcular a diferença entre o valor total da receita menos o total de investimentos em marketing digital e dividir pelo valor investido:

ROI (%) = receitas auferidas – valor investido / valor investido

Ao aplicar as métricas de marketing mais adequadas às especificidades de sua organização e às características gerais de seu segmento de atuação, lembre-se de que aquilo que não é medido não pode ser melhorado. Bons negócios!

Gostou do nosso post? Então, não perca a oportunidade de continuar se aprimorando: saiba como a combinação entre CRM e Gestão Empresarial pode ser vantajosa!